Noticias

Quais as diferenças entre rastreador via satélite e radiofrequência?

rastreador via satelite

Quando se trata de segurança e proteção dos nossos bens, devemos usar todas as ferramentas que temos à nossa disposição para intensificar a proteção. O seguro do automóvel é bastante importante, mas ele não é a única forma de se proteger contra roubos, existem também outros recursos muito efetivos como os rastreadores e localizadores.
A grande vantagem desses equipamentos, seja via satélite ou radiofrequência, é poder acompanhar o seu carro em tempo real caso seja roubado, e em alguns casos até mesmo cortar o sistema de alimentação do motor do veículo para que o ladrão seja obrigado a abandoná-lo. Existem três tipos diferentes de equipamentos disponíveis: o satelital, GPRS e o por radiofrequência, e apesar de exercerem a mesma função, os dois apresentam diferentes formas de funcionamento, e diferentes vantagens. Descubra quais as diferenças entre rastreador via satélite e radiofrequência:

Rastreadores via satélite (satelital e GPRS)

O rastreador do tipo Satelital utiliza modem Satelital, ou seja, tanto na recepção das coordenadas quanto na comunicação com o servidor, faz uso do canal via satélite, enquanto que o GPRS recebe as coordenadas do satélite através do modem GPS e se comunica com o servidor através da telefonia móvel.

São recomendados para pessoas que costumam viajar bastante com seus automóveis, por conta de sua grande área de cobertura. Com esse tipo de rastreamento seu carro pode ser encontrado praticamente em qualquer parte do mundo, porém com a desvantagem de não apresentar a localização com uma margem de erro superior à apresentada pelo outro tipo, que funciona por radiofrequência. Entre o sistema satelital e o GPRS, o segundo apresenta um melhor custo benefício, baixo custo e cobertura nacional. A desvantagem é a grande quantidade de locais sem cobertura de telefonia móvel, que acaba por criar “sombras” no rastreamento.

Localizador por radiofrequência

Para as pessoas que pretendem rodar apenas dentro da própria cidade, o localizador por radiofrequência provavelmente seja uma melhor opção, pois apesar de apresentar uma área de cobertura mais limitada, compensa bastante no quesito qualidade do sinal. É chamado de localizador, pois através dele não é possível fazer um acompanhamento em tempo real da localização do veículo, visto que faz uso de um scanner para realizar a varredura que possui a função de captar o sinal do localizador e diagnosticar a distância aproximada do veículo. Esse tipo de equipamento é normalmente utilizado por seguradoras com cobertura regional, em locais urbanos, e necessita de uma equipe tática para fazer a varredura e localização.

Agora que você já sabe um pouco mais sobre cada um desses sistemas de rastreamento, incluindo algumas das vantagens e desvantagens de cada um, o que precisa fazer é refletir sobre qual deles funcionaria melhor para você, e logo em seguida entrar em contato conosco para saber ainda mais sobre eles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *