O que você precisa saber sobre IPVA

 em Sem categoria

Quem possui algum veículo, deve lidar com os custos que ele traz, entre todos esses custos, o Imposto sobre Propriedade de Veículos (IPVA) ainda pega de surpresa muitos proprietários de veículos que não se preparam para esse gasto no início do ano.

E você sabe realmente o que é o IPVA ou o porque você paga esse imposto todo o ano? Algumas pessoas também têm dúvidas sobre o que acontece em caso de atrasos nesse pagamento.

Por tanto, neste texto, esclarecemos essas e outras dúvidas. Continue a leitura!

O que é o IPVA?

O IPVA, se trata de uma tributação cobrada anualmente pelos governos estaduais e é obrigatório para os donos de veículos automotores.

Esse imposto surgiu visando substituir a Taxa Rodoviária única (TRU) em 1986. O dinheiro arrecadado com o IPVA é dividido entre município, estado e governo, e é utilizado conforme a necessidade. Geralmente, parte do dinheiro é aplicado na manutenção de ruas e rodovias, mas outras aplicações incluem os setores da educação e saúde.

Como consultar o valor do IPVA

O cálculo do valor a ser pago é baseado no valor de mercado do veículo praticado no ano anterior à cobrança. Para carros usados, o governo baseia o valor do IPVA na tabela Fipe, já para carros novos, o cálculo é feito baseado no valor da nota fiscal.

A taxa cobrada muda de estado para estado, mas, em geral, o valor do IPVA varia entre 1,5% e 4% do valor do veículo.

Para consultar o valor do seu IPVA é simples, basta acessar o site do Detran do seu estado e inserir a placa do veículo e o número do RENAVAM.

O que acontece se o IPVA não for pago?

Perder o prazo de pagamento é mais comum do que imagina. No entanto, circular com o IPVA atrasado pode ter consequências.

Quando existe o atraso no pagamento, ou seja, o proprietário não faz o pagamento no prazo determinado, acontece o acréscimo de juros no valor final do imposto, que varia de acordo com o tempo de atraso e com o estado.

Quanto a condução do veículo com o imposto atrasado, pode ficar tranquilo, isso não acarreta pontos na sua carteira, mas interfere diretamente no momento de licenciar, já circular com um veículo com o licenciamento vencido pode trazer problemas mais sérios como a apreensão e cobrança de multa.

Agora você já sabe, para não andar inadimplente, deixe seu bolso preparado para o pagamento do IPVA no próximo ano! Se gostou do conteúdo, continue acompanhando o blog da Nipponsat.

Postagens Recentes

Deixe um Comentário