Rastreamento e monitoramento: qual a diferença?

 em Sem categoria

Quando falamos em segurança veicular, o rastreamento e monitoramento costumam ter o mesmo objetivo, proteção. No entanto, eles são recursos bem diferentes e exploraremos melhor as diferenças entre eles e como eles podem deixar sua frota mais eficiente e segura.

Ocorre que, muitas vezes os dois conceitos podem ser confundidos, mas saber diferenciar o monitoramento de rastreamento é importante, pois assim, determinamos o recurso que melhor atende às necessidades da sua frota.

Rastreamento veicular

O rastreamento veicular tem como principal função, localizar o veículo durante todo o seu percurso. Isso é feito normalmente por rastreadores com tecnologia GPS. Com essa tecnologia ele também registra e transmite ao um sistema de rastreamento, todas as atividades do veículo.

Em caso de roubo ou furto, o rastreamento fornece informações importantes que ajudam na recuperação do veículo, como, por exemplo, o histórico de ações, trajetos percorridos e localizações.

Para gestores de frotas, o rastreamento veicular tem também vantagens estratégicas, com o planejamento de rotas, pontos de parada e até mesmo controle da jornada. Com essas informações, a longo prazo, o rastreador facilita a análise de dados e informações para solução de problemas e tomada de decisões.

Monitoramento de veículos

Para o transporte de cargas e mercadorias, o monitoramento é um recurso muito utilizado. A diferença dele para o rastreamento está na capacidade de acompanhamento em tempo real da carga, condutor e do veículo, do início ao fim do percurso. Para fazer o monitoramento, diferentes tecnologias são utilizadas, como o GPS e GPRS, câmeras de vídeo, celulares e aplicativos são alguns deles.

Com o monitoramento é que se torna possível identificar atrasos nas entregas e outros problemas durante o percurso da carga, permitindo também a atualização constante dos dados da entrega, como data e horário para o cliente.

É possível atuar de maneira preventiva através do monitoramento feito em tempo real. Eventos inesperados, mudanças de rotas e desvios, são facilmente evitados, possibilitando mais agilidade e assertividade nas entregas.

Sendo assim, agora que você compreende mais a fundo a diferença entre os dois conceitos, sabe também que são indispensáveis para quem faz a gestão de frotas e deseja mais segurança e eficiência.

Então não perca tempo, clique no botão abaixo e conheça os planos de rastreamento da Nipponsat!

Postagens Recentes

Deixe um Comentário